Encontro Semanal

O caminho não é longo

Paz e Amor.

Muitos pensam que o caminho é longo, comportam-se como se o caminho fosse longo, limitando-se ou impondo-se processos desconjuntados de suas próprias necessidades. Muitos pensam que o caminho é adverso, pois torturam-se a si e aos outros, impondo sistemas restritivos de toda espécie. Muitos pensam que o caminho é longo, fazendo superficialmente coisas para satisfazer necessidades egóicas ou de interesses de dominantes. Muitos pensam que o caminho é longo porque impõem-se em regime de sofrimento. Muitos pensam que o conhecimento leva ao coração, pois são iludidos por promessas e expectativas falsas. Muitos são levados pelas ondas de moda. Muitos acreditam em propagandas e são conduzidos a consumir sem necessidade e até sem prazer. Muitos são convencidos de que estão certos, estando totalmente descontentes e desligados de suas próprias realidades. Muitos estão sob o domínio de poucos, aceitando passivamente, ou coercitivamente, de forma inoperante e sem esperança. Muitos se prendem a conceitos enquanto outros se restringem por preconceitos. Muitas doenças de caráter psicológico impetram entre a consciência e as ações, tornando-as inconscientes. Muitos não se cabem, ocupando espaços alheios, escravizando outros, impondo ideais falsos conscientemente burilados pelo capital. Muitos encontram-se sem saída, como se diz, entre a cruz e a espada, sem ação, sem postura, sem lei. Muitos estão sob o consumo de substâncias que levam à dependência, à ilusão e à ignorância. Muitos se dizem porta-vozes de qualquer coisa, manipulando e usurpando a inteligência alheia. Mas, os caminhos não são longos. Os caminhos podem ser tortuosos, pois às vezes atendem diferentes questões, diferentes possibilidades, e diferentes alcances. Mas, os caminhos são curtos, porque ligam situações que levam umas às outras, de tal forma que é possível desvendá-las, se encontrares em consciência entre o seu coração e a sua mente. Verdadeiramente, os caminhos são curtos porque o tempo é subjetivo e é possível encontrar verdades proximais, são as chamadas pequenas verdades, em que o horizonte alcança os seus olhos, e os seus olhos ao alcance das mãos, horizontes que podem ser comprovados por si mesmos. Os caminhos podem ser encurtados porque a distância que é ampliada, é ampliada quase sempre pela ilusão, pela indiferença, pela imposição, pela falta de interesse. Mas, é possível encurtar, ou melhor, encontrar a distância justa que está contida nos propósitos essenciais de cada experiência que é possível ser revelada, quando a confiança em si torna-se parte do seu ser, abrindo-se para os outros com naturalidade, por intermédio da luz do amor. Muitos caminhos que são longos, como é o caminho da dor, pode ser encurtado através do amor. Descobrir-se é encontrar em seu ser as pequenas verdades que estão contidas nas pequenas certezas. Aquilo que está próximo de cada um, que pode ser experimentado, também pode ser estendido e ampliado no alcance e no poder, através do amor. Os caminhos não são longos. Os caminhos são curtos porque é da natureza, da inteligência do ser e do estar, como água, que pela gravidade, e por si, encontra o caminho mais curto, apenas seguindo suas leis. Ao alcance de cada um, ao alcance de cada uma, há caminhos verdadeiramente curtos, alongados pela ilusão, pela descrença e desconfiança, pela insegurança, pela dor, ou pela opressão. Mas, os caminhos curtos são claros, justos, mas dependem de ser encontrados. Eles estão nas entrelinhas das coisas, das ações, das necessidades e das diversas ilimitadas situações da experiência de viver a vida. É possível encontrar novos caminhos para velhos problemas. Abra-se ao amor. Compreenda-se diante de suas dificuldades, de maneira a proporcionar verdades proximais, aquelas verdades que estão ao alcance de sua compreensão. Aquelas que estão sendo influenciadas por suas mãos, de maneira que possa, você mesmo, ou você mesma, colher apenas abaixando, e colhendo, pois estão ao seu lado. Por isso, a humildade é observada como virtude porque aproxima a insegurança de sua solução, porque destina o caminho ao caminho mais curto e direto. É preciso confiar que a luz do amor em seu coração se exterioriza  às ações de sua mente, construindo propósitos viáveis para a experiência de sua vida. Mesmo que o amor aparente ilusão, exercite-o como função de seus propósitos, tanto de sobrevivência, quanto de encontro com os seus caminhos. Como é sabido, alguns caminhos muito conhecidos deveriam ser muito mais livres, pois são os caminhos mais curtos, por exemplo, a família, os amigos, os amores, todas essas formas de encontrar o amor, mesmo que condicional, podem ser revelados à luz do amor incondicional, encurtando-se toda a compreensividade, trazendo para a consciência que por si revela a sua luz. Não se perca em longos caminhos. Quando estiver em um longo caminho, aproxime-se de sua luz, a sua luz do amor. E os caminhos se encurtarão no tempo e no espaço. A luz metafórica pode revelar, por proximidade, a sua realidade. Busque a sua luz do amor. Paz e Amor. Paz e Amor.

Agradecimento pelo último encontro do ano.

 

Houve vários pedidos pessoais que não foram incluídos neste espaço.

 

NA: Igualmente agradecemos.

Agradecemos com profundidade. Somos gratos a todos aqueles que nos acompanham. A humildade é a nossa essência porque o amor é a nossa energia, é a nossa condução. Amamos a todos, e iremos buscar sempre novas e amplas parcerias. Nossos irmãos celestiais estão preparados para que a vida humana encontre no amor as suas soluções. Agradecemos a todos. Que a luz do amor seja a essência do encontro e da revelação, a revelação da realidade diante de suas possibilidades. Confiem em si cada vez mais e sintam como o amor se aproxima, não se aproxima como um ser, mas como uma essência, como um fator consciencial e como poder transformador dos universos físicos e não físicos. É a essência de toda transformação baseada na vida. Ao gerirem a confiança, irão encontrar-se em diversas instâncias da experiência de viver em equilíbrio. Não tenha medo, ao mesmo tempo tenha coragem. Agradecemos as resistências. Agradecemos as confianças. E mesmo assim, continuaremos nossos caminhos, pois muitos duvidam. Ao duvidarem, duvidam de si mesmos. Nosso amor é o infinito. O amor é uma qualidade da existência. Sem o amor nada é possível. Confiem, confiem, confiem. Paz e Amor. Que o próximo ano revele para todos, pessoalmente, virtudes e forças para a superação e a compreensão daquilo que lhes vier a acontecer. A confiança pode transformar. Baseada no amor, certamente irá se desenvolver. As águas estão energizadas pelos centros de nossos irmãos. Agradecemos. Paz e Amor.