Encontro Semanal

A luz indireta e o reflexo

 

Paz e Amor.

O reflexo perguntou para a luz indireta: “quem é você?” A luz indireta diz: “eu sou a sua luz indireta. E você?” O reflexo respondeu: “sou o seu reflexo”.

Toda luz indireta é o reflexo de sua luz indireta, que é o seu reflexo. Assim também a mente se transfere, criando sombras, luzes indiretas e reflexos. As luzes criam sombras, as sombras refletem e recriam novas luzes indiretas. A mente se recria por suas sombras. E as aproveita para gerar sentidos e redundâncias de seus estados contínuos e descontínuos. Os aspectos contínuos da mente apresentam-se na dimensão de Ídar, criando sombras mentais que se convertem em sentidos da continuidade mnemônica do tempo. No organismo, a mente é descontínua. Ela é processada e aguarda a sua resposta. Mesmo que em milissegundos ou em milionésimos de segundos, ainda assim é descontínua. Ela aparece e desaparece. Seria sentido se não houvesse os reflexos e as sombras das luzes indiretas de Ídar. A mente é descontínua no organismo. A importância desse aspecto relaciona-se ao pensamento, à concentração, à memória, e aos estados de alteração mentais. Há muitas configurações formadas em cada pessoa. Essas configurações intercambiam entre a insciência, a inconsciência do organismo e o subconsciente, trazendo estados de relacionamento entre si e as outras pessoas. Quando duas pessoas se aproximam, essas sombras e reflexos, estas luzes indiretas mentais, incluindo as luzes de reflexos bidimensionais de Ídar, se intercambiam, trazendo para uns e outros empatia, antipatia, respostas orgânicas, prazer, desilusão, aversão, etc.. Ao lidarmos com a mente, estamos lidando com poderes desconhecidos e sem controle da consciência. É possível ampliar e aproximar da consciência tais “poderes”, pois estes nada mais são do que habilidades da mente humana. Sempre chamamos a atenção para a questão da confiança. A confiança é uma base orgânica para a mente, onde sua confirmação pode extrapolar os efeitos do domínio corporal-mental. Não pensem que estes aspectos são fáceis de serem realizados. Como já dissemos, é preciso desenvolvimento, baseado em experiência, e experiencia, nesse caso, é algum treinamento. Qual seria a importância disso? Listemos algo como simplicidade, como aumentar a confiança em si para estabelecer equilíbrio e boa noção da realidade que o cerca. Boa noção quer dizer a compreensão daquilo que pode levá-lo ao equilíbrio e à felicidade. A felicidade é uma escolha de cada um. Outro aspecto é o reconhecimento de seu limite. O limite não é algo definido, e por isso mesmo pode ser desenvolvido. Reconhecer limites o transporta para alta capacidade de interação, melhorando possibilidades de relacionamento consigo e com os outros. Outra questão é o desenvolvimento de habilidades: memória, atenção, equilíbrio corporal, equilíbrio no pensamento, persistência no desenvolvimento de habilidades psicomotoras, e o aumento da noção de tempo em seus estados alterados. Entende-se estados alterados toda modificação orgânica e mental atribuída a aspectos da sobrevivência ou, a partir de outros estímulos. Especificamente, o domínio de si em momentos de alta pressão também pode ser considerado de grande importância para os objetivos destes treinamentos. Esta pequena lista não significa uma promessa, mas um conjunto de desafios de cada um. Toda transformação que seja possível, para ser possível, é preciso que também encontre ser plausível. Pois, há efeitos mentais que são plausíveis, mas impossíveis, e também o contrário. Aqueles efeitos considerados impossíveis, e por isso, não plausíveis. Reforçamos com isso a importância de se crer em si diante de suas reações especialmente negativas. O domínio negativo traz respostas prontas e imediatas para o sistema orgânico e mental, respostas essas que já são conduzidas como definitivas, mas sempre não são definitivas. Qual é a sua capacidade de transformar a sua mente de maneira paulatina, e que você sinta que ela se transforma? É preciso olhar para si à luz do amor. É preciso que se compreenda que os efeitos que acontecem no corpo também são respostas para o que acontece na sua mente. O organismo se estrutura de forma interativa com a mente, assim da mesma forma, em consequência, e de forma cíclica, a mente domina a possibilidade, o corpo, a reação. A possibilidade da reação encontra-se em sua fé. Agradecemos. Paz e Amor. Paz e Amor.

NA: Sejam bem-vindos, agradecemos a presença de todos. Paz e Amor.

Grupo: Agradecer pelo fim dessa etapa do tratamento da xxxx.

NA: Igualmente agradecemos. Continuaremos. Paz e Amor.

*Atendimentos.

Agradecemos. Peço a permissão de vocês para atender um que não está sendo visível. Paz e Amor.

Grupo: Peço que olhem a xxxx.

J: Já estamos providenciando, agradecemos.

J: A todos que quiserem, basta pensar, mentalizar. Nossa contribuição é no sentido de trazer um equilíbrio no ambiente, naquilo que nos é permitido, e no organismo de cada um, sem intromissão.

NA: Paz e Amor. Luzes e sombras são situações da existência tanto física quanto mental. É possível e muitas vezes preciso, que o auto-diálogo, dialogar com sua mente de uma forma possível, quer dizer, positiva, pode trazer bons fluidos. Fluidos quer dizer boas respostas no sentimento e no organismo. Às vezes, se tem alguns sintomas, alguns sintomas podem ser em decorrência de coisas do cotidiano, da opressão, o excesso de auto-limitação, às vezes, do inacesso a si. Abra-se ao amor incondicional do seu próprio ser. Todos os seres estão interligados. Todas os seres estão ligados ao amor incondicional. Confie e esses sintomas, os sintomas do amor, os sintomas da alegria, os sintomas da felicidade virão. Confie em si. Amem-se.

Agradecemos em nome de outros participantes. Paz e Amor.

 

* Foram feitos atendimentos específicos que não estão incluídos neste texto.